metalrisenet

16/08/2009 - Rei Lagarto, no Kitnet
> Ver fotos
> Ler entrevista com o Ivan Mello

Domingo, 16/08, chegamos por volta de 18h50min, e ao nos depararmos com o bar levamos um susto, pois imaginávamos um bar mesmo e a fachada era de uma casa, mas ao subirmos as escadas encontramos um bar super bacana, bem parecido com um Pub Britânico, muito legal mesmo e apesar de pequeno comportou bem o público presente.
A noite estava muito legal e agradável, o que já era um bom sinal para o grande show que iria acontecer...
Pontualmente às 20h00min, entra em cena o Rei Lagarto, grande Rei Lagarto!
Uma banda que realmente merece o carinho de todos nós. Já entraram mandando um som novo, King of the World, do novo disco que está para sair, intitulado “Oceans”, que pela prévia que ouvimos no show será um grande disco. Seguiram com Older, do primeiro EP da banda. As músicas do disco The Forgoten Roads também estavam muito fodas mesmo, e o show foi seguindo muito bom com grande destaque para o som que era ótimo para a proposta da casa. Os músicos, como todos já sabemos mas nunca é demais dizer, são extremamente competentes, e executaram as músicas de forma incrível e nem dá para destacar um ou outro aqui, mas a cozinha estava fodástica demais, nunca vi um baixista tocar como aquele, ele simplesmente destruiu tudo lá.
Para mim, que adoro um vocal agudo, foi o prato cheio, e nas horas que o Fabiano mandava os dele eu ficava louco. Mas a intenção do show era mostrar o novo guitarrista Ivan Mello e lançar o Forgotten Roads, esse sim hein, muito foda, e os fãs podem ficar despreocupados, ele é foda pra caramba, e como ele mesmo disse, vai pôr uma pegada com mais swing nas guitarras da banda, e foi exatamente o que pudemos comprovar no show.
Grande destaque para músicas como Tell me how we are insane, We need somebody e para a maravilhosa Tomorrow, o grande clássico da banda que eu to cantando até agora. Ponto muito bom da banda foi quando tocaram Changes, do Black Sabbath - o Fabiano chamou um aluno dele para cantar e ele foi pro teclado, mas o melhor ainda estava por vir... a música foi acompanhada de violino, que deu uma pegada muito louca.
Logo chamaram músicos antigos da banda em um estilo Reunion, e tocaram as músicas do Overdrive, o povo foi a loucura, o único ponto baixo é que faltou um microfone a mais para os backing vocals, o que iria acrescentar mais ao espetáculo mas, como já disse, o show foi excelente, os músicos são fodas mesmo e o novo guitar é do caralho!
O show durou duas horas intensas de muito Rock’n Roll pra ninguém botar defeito, foda demais mesmo, parabéns a todos os músicos e seja bem vindo Ivan.



Kadu Painkiller
Vocal
do JawBreaker (Judas Priest cover)
Colaborador Metal Rise

 

 

Site criado por Suzana de Oliveira